Do vinho ao sentimento


Bernard Pivot é um nome conhecido da divulgação da cultura francesa, em grande parte por ter sido a figura de dois programas que passaram mesmo as fronteiras do seu país: Apostrophes e Bouillon de Culture.
Essa condição de jornalista sobretudo na área literária não o afastou de outros valores culturais, como é, no caso francês, o vinho – a que poderia juntar-se, por exemplo, o queijo.
E foi o vinho que o inspirou a condensar em livro incursões diversas, com gente e prazer dentro, explicações técnicas, referências políticas, análises sociais e, lá está, divagações sentimentais. Uma teia que nos revela o poder de um produto que é cada vez mais valorizado (até economicamente), apesar de todas as campanhas anti-alcoólicas e puritanas.
Uma obra que, infelizmente, não tem par em Portugal, apesar dos vários livros dedicado à actividade vitivinícola, alguns deles de muito mérito.
Uma nota sobre a tradução, com opções duvidosas, de que é exemplo o nome do programa televisivo de Pivot – Bouillon de Culture que deu em português, na badana, Boião de Cultura (será tradução do tradutor?). Nem na letra nem no espírito o original condiz com a originalidade.
________
Bernard Pivot
Dicionário Sentimental do Vinho
Casa das Letras, 19,01€

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.