Uma história diferente


Uma narração diferente é o que este livro nos reserva. Séculos atrás havia um sultão que desejava ter um livro que retratasse o seu Império. Os melhores foram chamados para executar a tarefa. Eram pintores ou miniaturistas como na altura eram chamados. Com os seus aprendizes que os idolatravam por paixão e medo, a quem os mestres faziam sevícias e se serviam deles sexualmente, amando alguns deles. Assemelhar-se aos ocidentais era crime. Em Istambul existiam verdadeiras obras de arte que resultavam das pilhagens que eram feitas nos Países muçulmanos, durante as guerras.
Há também uma historia de amor, bastante acidentada, que tem a ver com a cultura da religião e o seu forte enraizamento que dura até aos dias de hoje.
__________
Orhan Pamuk
O Meu Nome é Vermelho
Editorial Presença, 22,50€

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.