Personagens da inovação


Tom Kelley afirma que este é um livro «sobre a inovação com rosto humano» e, de facto, as histórias e casos contados centram-se nos homens e mulheres que, em muitas organizações, procuram ser criativos e inovar.
A tese essencial da obra é a de que o desenvolvimento das práticas consistentes de de inovação numa organizção resulta de vários tipos de actores ou personagens (como lhes chama): os que aprendem (o antropólogo, o experimentador, o polinizador), os que organizam (o corredor de barreiras, o colaborador e o realizador) e os que constroem (o arquitecto de experiências, o cenógrafo, o prestador de cuidados e o contador de histórias).
No seu conjunto e trabalhando em equipa, estes 10 elementos são a base para que as organizações possam competir cada vez mais e melhor no mundo globalizado em que vivemos.
Apesar disso, o autor alerta ainda para os os advogados do diabo que, com a suas múltiplas (e nem sempre razoáveis...) objecções e dúvidas, assumem uma visão negativa e castradora da criatividade.
_________
Tom Kelley (e Jonathan Littman)
As Dez Faces da Inovação. O Poder da Criatividade e da Inovação na Empresa
Editorial Presença, 18€

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.