Miriam - As Filhas de Rashi

Maggie Anton, a autora, tem uma história curiosa. Nasceu no meio duma família socialista, mas quando se casou, apaixonou-se também pelo judaísmo e pelo estudo do Talmude.
Algures nas suas pesquisas, descobriu o fascinante Rabenu Solomon Yitschaki, ou Rashi, como é mais históricamente conhecido. Este respeitado mestre, responsável pela Academia Talmúdica de Troyes, no século XI, ensinou o Talmude às suas três filhas, coisa completamente impensável e escandalosa para a época.(Diz-se no livro, que a mulher dizia: “Se não tivesse filhas, havia de ensinar o Talmude aos gatos.”)
Fascinada por esta história, Maggie Anton resolveu escrever a trilogia “As Filhas de Rashi - Romances sobre o amor e Talmude na França Medieval”.
Este é o segundo volume, sobre Miriam, a filha do meio, uma corajosa e teimosa rapariga, que em 1078, decide não só ser a parteira da comunidade, como também o seu mohel! (pessoa que realiza as circuncisões, trabalho ritual, desde sempre desempenhado por homens.)
Mas quem conhece a fundo o Talmude, pode sempre argumentar! E vencer... mesmo tendo pela frente uma bem tradicional comunidade judaica e estando em plena Idade Média.
Um bonito e interessante livro, onde se nota uma pesquisa histórica cuidadosa e se pode aprender muito sobre a vida e os hábitos dos judeus na Europa da Idade Média.
___________
Maggie Anton Miriam
As Filhas de Rashi
Bertrand Editora, 22,95 €

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.