Mistério em Lisboa


Uma jornalista encontra-se por acaso em Londres para cobrir um julgamento sobre um dentista Canadiano acusado de ser um assassino em série. Estava sentada num banco de jardim, fazendo dois artigos que seriam enviados para o jornal conforme o veredicto que nesse dia os jurados iriam decidir. Um senhor idoso sentou-se no banco a seu lado e meteu conversa. Ela queria acabar o trabalho pelo que não lhe dava jeito a intromissão. No entanto, o senhor foi dizendo que se ela estivesse interessada lhe contaria uma história sobre um homicídio ocorrido há anos mas que ainda merecia que fosse feita justiça. Ela levantou-se e ele pôs-se logo de pé para estender a mão para a cumprimentar. Depois, como forma de despedida, mandou cumprimentos para a avó e comentou que ela tinha os olhos iguais aos dela. Ficou intrigada mas não teve tempo para mais nada, uma vez que ele atravessou a rua e um carro a alta velocidade o atropelou tendo morte instantânea. A partir daí começou a interessar-se pelo caso. Isso levou-a a Lisboa e ao tempo da Segunda Guerra Mundial. Lisboa era naquele tempo um viveiro da espionagem. Começou pelo fio condutor das informações que ia colhendo. Mas quando estava perto das pessoas que lhe poderiam dar qualquer ajuda por uma razão ou outra apareciam mortas. Mas não desistiu, colocando em risco a sua própia vida. Um livro que se lê com muito interesse pela aventura que nos proporciona.
__________
Emma Cole
Tudo o que é Secreto-Um Mistério Em Lisboa
Bertrand Editora, 19,95€

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.