O Homem e o Ambiente: da alelopatia ao mutualismo

Uma "viagem" problematizante e que provoca a reflexão sobre a relação, cada vez mais complexa, entre o Homem e a Natureza.
As questões éticas assumem uma preponderância fundamental e sobre as quais, Maria José Varandas, apresenta dimensões holísticas e integradoras no sentido de potenciar uma redefinição da presença e da marca que cada um de nós poderá deixar no planeta.
A ponderação entre a finitude de recursos ambientais, o binómio progresso equilíbrio ambiental, a eticidade e o respeito pelas gerações futuras são questões sempre presentes.
A autora apresenta alguns paradigmas que pretendem orientar o pensamento para vertentes axiológicas e que funcionam como orientadores numa perspectiva de responsabilidade, maturidade e preservação pelo Meio Ambiente. O futuro parece depender, consequentemente, da capacidade que o ser humano revelar em perceber, finalmente, que não há mais tempo para adiar: Todos temos, , um papel fundamental a desempenhar. Procura, de um modo inteligente, integrar-nos a todos nesta tarefa importantíssima...
__________
Maria José Varandas
Ambiente: Uma Questão de Ética
Esfera do Caos, 13,90

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.