JOSÉ JORGE LETRIA | «Máxima preferida? ”Não deixes para amanhã o que podes escrever hoje”»

1.O que é para si a felicidade absoluta?
R-Não acredito na existência da felicidade absoluta, só na relativa, e, mesmo assim, só muito relativamente;
2.Qual considera ser o seu maior feito?
R-Nunca ter desistido de lutar por coisas e princípios em que acredito;
3.Qual a sua maior extravagância?
R-Comprar livros a mais, sabendo que nem quatro ou cinco vidas me chegariam para os ler todos;
4.Que palavra ou frase mais utiliza?
R-A palavra “autor”;
5.Qual o traço principal do seu carácter?
R-Determinação;
6.O seu pior defeito?
R-Deixar que a vontade de acreditar nas pessoas continue a abrir as portas a dolorosas desilusões;
7.Qual a sua maior mágoa?
R-Ter perdido o meu pai na adolescência;
8.Qual o seu maior sonho?
R-Continuar sempre a sonhar e a acreditar que o sonho é capaz de iluminar os dias mais sombrios e tristes;
9.Qual o dia mais feliz da sua vida?
R-O dia 25 de Abril de 1974, porque foi o fim do longo pesadelo da minha geração e das anteriores que nunca desistiram de lutar pela liberdade;
10.Qual a sua máxima preferida?
R-”Não deixes para amanhã o que podes escrever hoje”;
11.Onde (e como) gostaria de viver?
R-Pelo menos uns seis meses seguidos e sem pressa em Paris;
12.Qual a sua cor preferida?
R-O azul do céu;
13.Qual a sua flor preferida?
R-Os girassóis de Van Gogh;
14.O animal que mais simpatia lhe merece?
R-Cães e gatos, sob o mesmo tecto, como acontece na minha casa;
15.Que compositores prefere?
R-Chopin, Bach, Mozart, Schumann, Verdi, Beethoven, Astor Piazzola, Carlos Paredes, Chet Baker, José Afonso, Chico Buarque, Rufus Wainright;
16.Pintores de eleição?
R-Turner, Caravaggio, Vermeer, Van Gogh, Gauguin, Magritte, Picasso, Balthus, Paula Rego;
17.Quais são os seus escritores favoritos?
R-Raul Brandão, Jorge de Sena, Ruy Belo, Cesário Verde, Eça de Queirós, Alexandre O'Neill, Álvaro de Campos, entre outros.
18.Quais os poetas da sua eleição?
R-Já respondi na anterior;
19.O que mais aprecia nos seus amigos?
R-A ausência de cálculo e a boa memória;
20.Quais são os seus heróis?
R-Poucos e bons;
21.Quais são os seus heróis predilectos na ficção?
R-Dom Quixote, o Principezinho, Ulisses, Cyrano de Bergerac;
22.Qual a sua personagem histórica favorita?
R-Fernão de Magalhães, português sempre e cada vez mais universal;
23.E qual é a sua personagem favorita na vida real?
R-Não me recordo de nenhuma que mereça de momento este destaque;
24.Que qualidade(s) mais aprecia num homem?
R-Não precisar de o afirmar para se sentir seguro de o ser de facto;
25.E numa mulher?
R-Inteligência, beleza e classe, se não for pedir demasiado;
26.Que dom da natureza gostaria de possuir?
R-A prodigiosa capacidade de separar o essencial do acessório;
27.Qual é para si a maior virtude?
R-A lucidez;
28.Como gostaria de morrer?
R-Com dignidade e sem dor;
29.Se pudesse escolher como regressar, quem gostaria de ser?
R-O mesmo, mas melhor, a partir do muito que aprendi vivendo e dos erros que cometi e não esqueci;
30.Qual é o seu lema de vida?
R-Escrever até ao fim.

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.