Dicas para o jantar


O prazer pela arte culinária é uma moda que parece ter vindo para ficar. A verdade é que multiplicam-se os livros, os programas de televisão, os blogues, os cursos de formação ministrados por chefs mais ou menos conhecidos…
Nunca (pelos menos em tempos recentes) a cozinha foi um local de eleição como agora. E ainda bem. Cozinhar é uma actividade com muitas vantagens: as refeições são mais saudáveis, pois é possível ter um critério equilibrado na selecção de alimentos e métodos de confecção; torna-se mais económico do que a ida ao restaurante ou a utilização frequente de pré-cozinhados; é um excelente pretexto para juntar um grupo de amigos ou familiares; e, last but not least, pode até ser terapêutico, um momento de descontracção e abstracção das preocupações quotidianas.
Isto, claro, se a organização da refeição não se tornar uma dor de cabeça. É que não poucas vezes, depois de um cansativo dia de trabalho chegamos a casa sem uma ideia definida sobre o que fazer para o jantar. E quando finalmente delineamos um plano para salvar os estômagos vazios da família, acontece o pior: abrimos o frigorífico, vamos à despensa…e não temos os produtos necessários.
É sobretudo para nos salvar destas aflições que Joana Roque regressa ao convívio dos leitores com um muito sugestivo “O que faço hoje para o jantar?”.
Como uma fada madrinha, Joana Roque traz sugestões deliciosas para aproveitar restos, deitar mão ao que há na despensa e fazer um jantar delicioso, ou como agarrar nos ingredientes do costume e preparar receitas diferentes daquelas de que já estamos fartos – como as 14 diferentes maneiras utilizar carne picada sem ser na tradicional bolonhesa.
Uma das mais-valias do livro é a apresentação de mais de 200 receitas simples, fáceis de cozinhar e rápidas – sem ceder no que diz respeito ao sabor e à apresentação, que os olhos também comem.
Mas para que o dia-a-dia dos leitores se torne ainda mais fácil, a autora vai mais longe e avança dicas sobre a organização da despesa, a lista de compras, o que se pode adiantar ao fim de semana e congelar para poupar trabalho e tempo nos dias de azáfama quotidiana.
O livro traz mais de duas centenas de receitas dispostas por ingredientes, sugestões de jantares rápidos diários para toda a família, para os amigos ao sábado, e de fast food caseira para retemperar forças ao domingo.
Joana Roque não é uma estreante nestas questões. “O que faço hoje para o jantar?” é já o seu terceiro livro, depois dos bestsellers “Feito em Casa” e “Cozinhar, Celebrar e Partilhar”.
Os livros baseiam-se nos dois blogues que a autora alimenta na Internet: As Minhas Receitas (desde 2006) e A Economia Cá de Casa (desde finais de 2008).
_________________________
Joana Roque
O que faço hoje para o jantar?
A Esfera do Livros, 19€

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.