Joana Sequeira | O Pano da Terra


1- De que trata este seu livro “O Pano da Terra"?
O livro resulta da minha tese de doutoramento em História sobre a produção têxtil em Portugal nos finais da Idade Média. Partindo das matérias-primas mais utilizadas na época (linho, lã, seda e algodão), traça-se o perfil deste sector de actividade. Fala-se da sua distribuição geográfica, das políticas económicas, dos meios técnicos e das fases da produção, dos grupos sociais envolvidos e da capacidade de projecção comercial dos têxteis portugueses, tanto no mercado interno como externo. Numa segunda parte do livro, encontra-se um catálogo de tecidos medievais portugueses com 24 entradas. Para cada tecido, são fornecidas informações sobre a cronologia do seu fabrico, os locais de produção e as suas características.

2- De forma resumida, qual a principal ideia que espera conseguir transmitir aos seus leitores?
R- Quando parti para este estudo tinha a ideia, veiculada pela historiografia, de que Portugal tinha uma produção têxtil rudimentar e que importava quase tudo. No final da investigação, percebi que afinal este não era um reino que dependia totalmente daquilo que vinha de fora para se vestir. Portugal foi pioneiro na adopção de algumas técnicas produtivas e dispunha de tecidos com marca de origem, que conquistaram um lugar importante no mercado. A conclusão a que cheguei é a de que o “pano da terra”, isto é, o pano português, era afinal um objecto presente do quotidiano medieval, que se afirmava como um importante pilar da economia do reino. Por outro lado, ao investigar as raízes históricas de alguns dos mais famosos tecidos tradicionais portugueses (como a manta alentejana), procurei contribuir para a revalorização do património têxtil nacional e do trabalho dos artesãos. 

3-Pensando no futuro: depois desta obra, que caminhos poderá seguir a sua pesquisa?
R- Ainda não tinha terminado o livro quando criei um blog que lhe serve de extensão: www.panosdaterra.wordpress.com. A ideia era fazer a “ponte” com o presente, fornecendo uma base histórica que explicasse e ao mesmo tempo ajudasse a legitimar a persistência do trabalho têxtil artesanal nos nossos dias. Os artigos que tenho publicado resultam de novos achados documentais e de exposições, feiras ou ateliers de artesãos que entretanto tenho visitado. Procurei criar um blogue não só para quem gosta de história, mas também para quem gosta de tecidos, de moda, de tradições e de saberes ancestrais.
__________
Joana Sequeira
O Pano da Terra
UP Editorial, 18,50€

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.