1-De que trata este seu livro «STOP-As 50 Estratégias para Mulheres sem Tempo»?
R- Trata-se de um guia para que pessoas com estilos de vida diversos e formas de pensar e agir diferentes, consigam utilizar soluções práticas para problemas do dia a dia, que tocam áreas importantes da vida das pessoas, que nem sempre são fáceis e podem tornar-se enormes ladrões de tempo.

2-Numa época como a nossa, um livro dirigido especialmente a mulheres poderá ser redutor: não andamos todos (homens e mulheres) a lutar contra a falta de tempo?
R- Homens e mulheres debatem-se com uma “sensação” de falta de tempo. Passamos o tempo a fazer cada vez mais coisas, mais depressa e esquecemo-nos de questões básicas como descansar, manter um estilo de vida saudável e reduzir o que se faz em quantidade (menos atividades) ou duração (faço uma caminhada de 10m em vez de 30m ou 45m). Pela minha experiência e de acordo com um estudo que realizei em 2017 sobre formas de as pessoas se organizarem e simplificarem a sua vida, a resposta que reuniu mais consenso foi: “as mulheres têm que trabalhar mais para mostrarem o que valem”. Quer por este resultado, quer pela minha experiência em mais de 100 empresas e com o contacto direto com pelo menos 2500 pessoas, o contexto de trabalho na maior parte das organizações e empresas em particular, não cria condições de igualdade de oportunidades para as mulheres. Por isso, do meu ponto de vista, o que é redutor é tratar realidades diferentes como sendo iguais. Há muitas semelhanças, mas há especificidades que justificam e requerem um livro que seja dedicado às mulheres.

3-Se tivesse que escolher apenas 3 estratégias, quais seriam as mais importantes?
R- Simplifique e faça o essencial. Pratique o toma lá dá cá. Durma e descontraia.
__________
Ana Tapia
STOP-As 50 Estratégias para Mulheres Sem Tempo
Esfera dos Livros  16€

Siga a "Novos Livros" por Email

A BIBLIOTECA

A BIBLIOTECA
(C) Vieira da Silva

Diga não ao cruel comércio da morte.