Diga não ao cruel comércio da morte.

António Covas | A Grande Transformação dos Territórios


1- Qual a ideia que esteve na origem deste «A Grande Transformação dos Territórios»?
R- A ideia original do livro é mesmo a ideia de " grande transformação dos territórios" à semelhança da "Grande Transformação" um livro de Karl Polanyi de 1944, isto é, uma alteração paradigmática do modo como ocupamos e nos relacionamos com o território, ao ponto de nos referirmos à extra-territorialidade como uma das características mais importantes do nosso tempo.

2- No seu livro reúne um conjunto de artigos publicados na imprensa: qual o fio condutor que o estrutura?
R- O fio condutor é a policontextualização dessa transformação do território e que no meu livro passa por três blocos: a transformação por via da integração europeia (a contingência europeia), a transformação por via da revolução digital e a transformação por via da smartificação dos territórios, ou seja, a passagem dos territórios-zona para os territórios-rede ou como se forma a inteligência coletiva dos territórios.

3- Sendo um livro com «olhares cruzados sobre as mutações do nosso tempo», quais serão os três principais factores que mais influenciam a vida aqui no território Portugal?
R-Os três factores que mais influenciam a nossa vida são as alterações demográficas (o abandono de certas zonas do país), as alterações climáticas (alteração nos mosaicos paisagísticos), a transformação digital (alterações nos mercados de trabalho) e acrescento as vagas migratórias que irão afectar a liberdade de circulação das pessoas e o seu comportamento.
__________
António Covas
A Grande Transformação dos Territórios
Edições Sílabo. 14,30€