Apoie a Amnistia Internacional Portugal

Tiago Ferro | O Pai da Menina Morta


1-O que representa, no contexto da sua obra, o livro «O Pai da Menina Morta»?
R-O romance “O pai da menina morta” foi minha primeira experiência de escrita ficcional. Até então, eu me dedicava a ensaios sobre cultura e sociedade, principalmente literatura. De alguma forma o romance se impôs pelas circunstâncias da vida, que nem sempre acontecem como planejamos. Escrever esse livro nasceu de uma necessidade de investigar vazios e questões que andavam comigo e que eu não conseguia formular na linguagem do dia a dia, do senso comum, ou até mesmo não ficcional. Foi preciso esse mergulho na forma literária ficcional para encontrar o que estava latente. Não encontrei respostas, já que a literatura tende a colocar novas perguntas, mas sim um campo de experiências bastante alargado.

2-Qual a ideia que esteve na origem deste livro?
R-Há cerca de um ano eu havia publicado na revista piauí um ensaio não ficcional sobre a experiência do luto durante os primeiros dias após a morte da minha filha. Naquele momento, tentar contar o meu dia a dia encontrou nessa forma de escrita a resposta certa. Quando iniciei o projeto do romance, a primeira ideia foi esticar o ensaio no tempo. Mas conforme eu escrevia, surgiam questões, como memória, desejo, etc, que não cabiam nessa forma de escrita mais realista. A própria narrativa começou a pedir formas mais ousadas e de alguma maneira saíssem do controle do planejado. O livro foi se dando então durante a escrita.

3-Pensando no futuro: o que está a escrever neste momento?
R-No momento escrevo minha tese de doutorado sobre a obra do crítico literário Roberto Schwarz, no Departamento de História da Universidade de São Paulo. Um texto completamente diferente do projeto ficcional que nasce com “O pai da menina morta”. Paralelo a isso estou começando a desenhar o próximo romance, tentando encontrar a distância certa entre narrador e autor, calibrando a potência que me agrada para um novo romance. Encontrando isso, acredito que abre-se o caminho para um novo livro. A ver...
__________
Tiago Ferro
O Pai da Menina Morta
Tinta da China 15,90€