10 anos de Ensaios da Fundação: Olhar Portugal e o Mundo


Crónica

|J. A. Nunes Carneiro

A Fundação Francisco Manuel dos Santos tem-se revelado uma entidade da maior importância na investigação e na pesquisa sobre Portugal e sobre o Mundo. Mais conhecida pelo seu projecto Pordata, a FFMS apostou também num projecto editorial de grande qualidade e profundidade. Vem publicando estudos e relatórios muito completos sobre no nosso país: demografia, o balanço dos apoios europeus, educação, entre muitos outros temas.

Contudo, um dos meus projectos preferidos é a colecção Ensaios da Fundação que acaba de comemorar 10 anos com a publicação o seu 100º volume. Na essência formal, trata-se de uma colecção próxima do livro de bolso em que especialistas escrevem sobre temas variados sem a menor cedência ao rigor. Uma colecção de rara qualidade em que, com uma linguagem acessível, consegue motivar públicos muito mais vastos, desde estudantes a pessoas curiosas e interessadas.

A colecção acolhe títulos muitos diversos e abrangentes, tentando disponibilizar livros de qualidade que sirvam de porta de entrada em temas por vezes complexos. Um verdadeiro espaço de formação, informação e debate de ideias sobre temas tão diversificados como: Envelhecimento da Sociedade Portuguesa, Sistema Eleitoral, Cancro, União Europeia, Identidade Cultural, Comércio Internacional, Energia em Portugal, Património Cultural, Ferrovia em Portugal, Saúde Digital, Desperdício Alimentar, Religião na Sociedade Portuguesa, Saúde Mental, Criminalidade e Segurança, Euro e Crescimento Económico, Cinema, Crise e Crises em Portugal, Inteligência Artificial, entre muitos outros.

Portanto, para reflectir e conhecer melhor Portugal, o Mundo e os grandes temas da actualidade é uma colecção magnífica. E tem um preço que é uma agradável surpresa: 3,50€ (edição normal) e 5€ (edição capa dura). Imprescindível.